Após 8 dias enterrado, corpo é achado em quintal de casa e irmão é suspeito de ter cometido o crime

Nesta sexta-feira (23), por volta das 16h, o corpo de um homem foi encontrado enterrado no quintal de uma casa nº 313, situada na Rua do Contorno em Santo Antônio de Jesus. De acordo com informações da polícia, o cadáver de Julivan Souza Barbosa, 32 anos, conhecido como Dedé, já estava em estado de putrefação. Dulcinéia dos Santos, vizinha da vítima, informou ao Portal Voz da Bahia, que há oito dias o homem estava sumido, sendo assim os conhecidos começaram a procura-lo, mas não obtiveram êxito. “Os vizinhos já tinham olhado na casa, mas não encontraram ele, aí desconfiamos que poderia estar morto”, disse ela, acrescentando que quando entrou na casa hoje, observou uma mancha de sangue no sofá e o corpo do seu vizinho enterrado em estado de composição. Testemunhas informaram que o principal suspeito de ter cometido o assassinato é um homem de prenome Bonfim, irmão da vítima, que residiam na mesma casa. Segundo a entrevistada, por várias vezes a polícia foi acionada devido a agressões cometidas pelo acusado contra seu irmão. Ainda conforme os relatos de populares, o que motivou o crime foi a não aceitação da venda da casa em que os envolvidos moravam. Dedé era vendedor de picolé na cidade. O suspeito fugiu do local. O corpo foi removido para o Departamento de Polícia Técnica de Santo Antônio de Jesus. (Voz da Bahia)