Bope liberta crianças mantidas reféns pelo padrasto em Itaberaba

2

Enildo Lourenço de Jesus, 25 anos, que apresenta problemas psiquiátricos, surtou e antes de manter os enteados em cárcere privado agrediu a esposa.

Equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar resgataram, no início da noite desta segunda-feira (31), dois adolescentes (11 e 14 anos) que vinham sendo mantidos reféns pelo padrasto, na cidade de Itaberaba (distante 264 km da capital). Enildo Lourenço de Jesus, 25, que apresenta problemas psiquiátricos, surtou durante a manhã, agrediu a esposa, Ana Paula Santos Silva de Jesus, 32, que foi atendida e liberada e depois manteve os dois enteados em cárcere privado.

1

Os policiais do Bope explicaram que o principal objetivo da negociação era preservar a integridade física dos meninos. “A conversa foi evoluindo e tudo correu bem. O importante é que as crianças saíram sem ferimentos e conseguimos negociar a rendição do criminoso”, exaltou o capitão do Bope Luiz Henrique.

O titular da 12ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Itaberaba), delegado Adolfo Nascimento, informou que Enildo será autuado por cárcere privado e lesão corporal.

Assessoria de Comunicação: Secretaria da Segurança Pública da Bahia
3