Morte de estudante causa comoção na comunidade de Lages do Batata de Jacobina

lajes jacobinaNa manhã desta quarta-feira, 18 de abril de 2018, estivemos no Instituto Médico Legal de Jacobina, onde falamos com Jonas Alves Neto, sobre a morte de sua filha Margarete Dias dos Santos, 14 anos.

Segundo Jonas, ontem Margarete que estudava no 9° ano do Colégio José Prado Alves, se alimentou no período da noite com macarrão instantâneo (miojo), ingeriu alguns bombons (chocolates) e foi dormir. Logo em seguida, a garota se levantou para ir ao banheiro e acabou sofrendo desmaio.

Ainda segundo Jonas, a Margarete foi socorrida por uma ambulância para a UPA 24h de Jacobina, onde teria vomitando sangue. Todos os procedimentos necessários foram feitos, com uso de desfibriladores, porém, Margarete não reagiu e veio a óbito.

O corpo da jovem, foi encaminhado para o Instituto Médico Legal, para que a Polícia Técnica faça a perícia, por haver suspeita de envenenamento. O pai Jonas não acredita nesta possibilidade, pois Margarete morava apenas com a mãe Edilúzia Nascimento e outra filha de 16 anos.

A avó Maridalva Nascimento nos relatou que Margarete sofria com problema respiratório, com falta de ar e com uma gripe que não curava. O sepultamento da jovem, que causa comoção na classe estudantil nas redes sociais, deverá ocorrer no final da tarde desta quarta-feira, 18, no cemitério de Lages do Batata. (Augusto Urgente!)