Situação do Rio Utinga preocupa moradores da região

rio utinga2018

Com o início do período da seca, o Rio Utinga que abastece as cidades de Utinga, Wagner, Lençóis e Lajedinho, além de se um dos principais afluentes do Rio Paraguaçu que abastece a capital baiana, começa a preocupar moradores da região. A retirada de água para irrigação de plantações de banana e outros cultivos também vem contribuindo para a seca do rio.  Os moradores da cidade de Wagner esperam que o governo do estado, nesse novo mandato faça algo pela manutenção e preservação do rio Utinga e que as propostas saiam do papel e não fique apenas nas promessas da época das campanhas políticas.

Outra cidade que também está sofrendo com a seca é Lajedinho, que de acordo com relatos de moradores, parte da cidade vem sendo abastecida com caminhões pipa.

“Precisamos do poder público maior do estado, os prefeitos da região, sempre participativos nas reuniões. A sociedade fica na dúvida: os proprietários de terras e agricultores estão cumprindo com seu papel no meio ambiente? Ano de eleições cada candidato prometeu a solução do problema,  entra sai eleição e nada é feito.”  – Desabafou o morador.

De acordo com o nosso leitor e colaborador Jilvam da cidade de Wagner, o povoado de São José de Lençóis, a água não atravessar mais a ponte, a ponte do Colégio de Wagner, a coisa é tristes fora outros lugares.  Isso e a realidade da nossa região.

“Venham conhecer a situação do Rio Utinga. O governador só sobrevoar não dar pra ele sentir a tristeza do povo que ali mora e precisam da água. Finalizando a nossa indignação que chegue a conhecimento do governante do estado. – Disse Jilvam. (Blog do Léo Barbosa)
rio utinga2018a rio utinga2018b rio utinga2018c rio utinga2018d