Investigador da Polícia Civil é morto em Camaçari; companheira é suspeita

ipc camaçari
Foto: Reprodução / Correio

O investigador Roberto Carlos Neves de Souza, 51 anos, foi assassinado na noite desta sexta-feira (30) em Camaçari. Apelidado pelos colegas de ‘Xuxa’, Roberto teria sido agredido pela companheira com uma faca.

O policial, que era lotado na 26ª Delegacia Territorial (DT/Vila de Abrantes), não resistiu aos ferimentos. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, diligências em busca da autora estão sendo realizadas. A motivação ainda é desconhecida. (Bahia Notícias)