Utinga: Empresa de beneficiamento do mamão deve gerar até 2 mil empregos

utinga mamão
prefeito de Utinga com lideranças locais e empresários do grupo Espírito Santo | FOTO: Divulgação |

A empresa Imperial Agronegócios, uma unidade do grupo empresarial AGC, acaba de se instalar no município de Utinga, na Chapada Diamantina. E a inauguração do empreendimento foi acompanhada de perto pelo prefeito Joyuson Vieira, que falou sobre a importância da instalação para a geração de emprego e renda para a comunidade local. O gestor esteve no evento desta terça-feira (5) acompanhado do vice-prefeito Átila Karaoglan, da primeira dama Aninha Vieira e do presidente da Câmara de Vereadores, Jonas Aguiar.

De acordo com apuração do Jornal da Chapada, a empresa investe alto em Utinga e inaugura a unidade de beneficiamento de frutas, focada inicialmente no beneficiamento do mamão, fruto produzido em abundância no município. A empresa tem unidades e negócios em São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais e Bahia e é um dos maiores em mamão do Brasil. Esse projeto de instalação da empresa foi atraído pela prefeitura com o apoio da Câmara de Vereadores.

“Uma das metas da nossa administração é a geração de emprego e renda. Dessa forma, vamos apoiar e incentivar qualquer empresa que queira se instalar em nosso município, principalmente as agroindústrias, já que somos de uma região eminentemente agrícola”, declara o prefeito Joyuson ao Jornal da Chapada.

Inicialmente a Imperial Agronegócios vai gerar 30 empregos diretos, podendo triplicar em curto prazo. O efeito disso é a geração de empregos direto na agricultura – que pode atingir mais de 2 mil postos de trabalho. A empresa tem alcance regional, indo de Irecê a Iaçu, e de Jacobina a Rio de Contas. Uma reunião já está marcada com os produtores do município para esta quinta-feira (7), às 19h, na Câmara de Vereadores. (Jornal da Chapada)

utinga mamão2
Inicialmente a empresa vai gerar 30 empregos diretos, mas pode chegar a 2 mil | FOTO: Divulgação |