Serrolândia/BA de luto pela morte trágica de Raimundo e Erisvaldo

serrolandia

Nesta quarta-feira, 20 de junho de 2018, por volta das 10 horas da manhã, Raimundo Nonato, conhecido como Sete Capas e Erisvaldo, conhecido como Gordo, morreram em um grave acidente de carro, no estado do Maranhão.

Sete Capas era um dos homens mais influentes da cidade de Serrolândia, um dos pioneiros na fabricação de bolsas promocionais e brindes da cidade, em sua fábrica, Isis Bolsas, que emprega mais de 100 funcionários, entre costureiras e vendedores. Ele deixa esposa e duas filhas.

Além da influência na fabricação de bolsas, Raimundo, filho de Benício da Farinha, também era homem forte na política da cidade, tendo como irmão Carote Duarte, candidato a Prefeitura de Serrolândia na eleição passada.

Erisvaldo por sua vez, era vendedor da Isis Bolsas, e prezava de muitas amizades na cidade, sempre sorridente e brincalhão, gozava de respeito pelos amigos, filho de Ercília Brasilia e Lourisvaldo Mota, deixa esposa e filho.

Os dois estavam a trabalho. Sete Capas era patrão do Erisvaldo e estariam fazendo a entrega de pedidos da fábrica Isis Bolsas a qual Sete Capas era proprietário.

A caminhonete S10, com placa de Serrolândia-BA, com os dois, foi esmagada por uma carreta, nas proximidades do povoado Morro do Chupé, na BR-230, em São Raimundo das Mangabeiras, sentido Balsas, no estado do Maranhão. (Portal Serrolândia)

Região de Irecê: homem é preso acusado de esquartejar corpo encontrado dentro de cova em Morro do Chapéu

delegaciaA Polícia Civil de morro do Chapéu, na região da chapada diamantina, elucidou o caso relativo a um corpo encontrado enterrado em uma cova e esquartejado no município.

Neste último final de semana, os investigadores prenderam Leandro Santos Oliveira, 23 anos, suspeito de ter assassinado Laion dos Santos Almeida, de 29 anos, que havia desparecido desde o início do mês de maio deste ano.

À autoridade policial, o acusado disse que matou e esquartejou a vítima por causa de dívida de droga. Os restou mortais foram removidos por peritos do Departamento de Polícia Técnica de Irecê para o Instituto Médico Legal onde foram examinados. Em seguida, familiares reconheceram a vítima através de uma tatuagem que tinha em uma das pernas e pela arcada dentária, pois Almeida, no passado teve um dos dentes quebrado por um acidente de motocicleta. (Central Notícia)

O Arraia da Copa Center Móveis e Eletros esse ano vem com uma goleada de ofertas. Confira!

O Arraia da Copa Center Móveis e Eletros esse ano vem com uma goleada de ofertas. Tv 24 Polegadas Philco, 10X 79,90 sem juros no cartão Tv 32 Polegadas AOC, 10X 99,90 sem juros no cartão SMART TV 43 polegadas PHILCO, 10X 179,90 sem juros no cartão Pipoqueira POP MAIS, 10X 7,50 sem juros no cartão Center Móveis e Eletros. Torcendo juntos pelo Brasil.

Polícia desvenda caso e prende acusado de assassinar garota de Serra Preta

serra preta
A Delegacia de Homicídios (DH) de Feira de Santana disse nesta terça-feira (19) que chegou ao real culpado pela morte da estudante Bruna Santana. A jovem, natural de Serra Preta, na Bacia do Jacuípe, ficou três dias desaparecida e foi encontrada morta no dia 21 de fevereiro.
Ao Bahia Notícias, o titular da DH de Feira, Fabrício Linard, disse que o acusado Gilmar Dantas dos Santos, de 41 anos, que já responde por dois estupros, confessou o crime. O acusado afirmou que tentou estuprar a vítima, mas como a estudante desfaleceu asfixiada não consumou o crime. O delegado também informou que chegou até o acusado através de exame de DNA, encontrado nas unhas da vítima. Fabrício Linard disse ainda que Gilmar foi a última pessoa a ter contato com Bruna.
O acusado teria atraído ela para dentro da casa dele e consumado o crime. Gilmar trabalha com material de reciclagem. O corpo de Bruna Santana, de 16 anos, foi achado em dois sacos em um terreno baldio do bairro Jardim Cruzeiro. Ainda nesta terça, Gilmar será apresentado pela Polícia Civil em coletiva de imprensa. (Bahia Notícias)

Giro no pé antecipou saída e impediu “academia secreta” de Neymar

neymar
Neymar sente dor no tornozelo e sai mancando de treino (Foto: Mowa Press)

Neymar não participaria de todo o treino da seleção brasileira nesta terça-feira, mas jamais sairia de campo sob olhares da mídia. O plano era que ele participasse do aquecimento, e só com a área fechada aos jornalistas – a atividade foi aberta por 20 minutos –, rumasse para a academia. Só que um giro no pé direito, ao receber um passe, elevou o incômodo no local.

O problema não tem a ver diretamente com a cirurgia no quinto metatarso do pé direito, feita em março, mas a soma de impactos numa região próxima tem causado dores no atacante. Antes mesmo do movimento que o fez sair do treino, foi possível ver caretas depois de vários toques na bola. (mais…)

Rachadura na BR-101, no município de Cachoeira, no Recôncavo Baiano preocupa motoristas

ponte rachada
Rodovia com rachadura no recôncavo da Bahia (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Uma rachadura que surgiu na BR-101, na ponte próxima à barragem Pedra do Cavalo, que fica sobre o Rio Paraguaçu, no município de Cachoeira, no Recôncavo Baiano, preocupa motoristas que passam pela região.

Ainda não há detalhes de quando a rachadura ficou mais visível na rodovia. Entretanto, a superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), na Bahia, informou que equipes do órgão já foram encaminhadas ao local.
Conforme avaliação do engenheiro responsável pela rodovia, não há nenhum problema com a estrutura da ponte. O Dnit esclareceu ainda que a rachadura se chama de “fissura” e é algo normal na rodovia.
Segundo o engenheiro, a fissura acontece naturalmente, devido ao movimento de carros. Apesar do surgimento das rachaduras, isso não representa nenhum dano ou risco.
O departamento esclareceu ainda que todas as vezes em que há recapeamento, as fissuras desaparecem e surgem depois.
A ponte da Pedra do Cavalo foi construída no final dos anos 1970, tem ainda um tempo de vida que deve passar dos 70 anos, sem nenhum problema, informou o engenheiro do Dnit. (G1)

Ibotirama: Mulher é encontrada morta em estrada de chão no bairro Calumbi

ibotiramaUma mulher de aproximadamente 30 anos foi encontrada morta na manhã desta segunda-feira (18), em uma estrada de chão, próximo ao riacho Santo Onofre, no bairro Calumbi, em Ibotirama.

A vítima, identificada como Marilene Gonçalves da Cruz, estava caída no local e tinha marcas de tiros na região da cabeça. Segundo informações, a polícia chegou ao local após populares denunciarem a situação.

Procurada, a Polícia Civil ainda não pôde dar mais detalhes sobre o crime. O corpo da mulher foi encaminhado pelo Departamento de Polícia Técnica para o Instituto Médico Legal de Bom Jesus da Lapa. Marilene deixa três filhos menores de idade. (Gazeta 5)

PF faz apreensão de 1,5 tonelada de cocaína no porto de Salvador, a maior do ano na Bahia

Foto: Divulgação/PF
Foto: Divulgação/PF

Foi apreendida na tarde desta segunda-feira (18) cerca de 1,5 tonelada de cocaína no Porto de Salvador. Essa é a maior apreensão de cocaína que já ocorreu na Bahia. A droga estava acondicionada em mochilas, dentro de fardos de policloreto de vinila (PVC) e polietileno, em contêineres que tinham como destino final a Europa. A operação foi realizada pela Polícia Federal, com o apoio da Polícia Civil, Receita Federal e da Guarda Portuária. A localização do entorpecente ocorreu em decorrência de fiscalização de rotina da Polícia Federal, e contou com o apoio de cães farejadores do Comando de Operações Especiais da Polícia Civil. As investigações estão a cargo da Delegacia de Repressão a Entorpecentes da Polícia Federal, visando identificar os responsáveis pela droga.

Anvisa deve realizar consulta pública sobre uso medicinal de maconha

Foto: Shutterstock
Foto: Shutterstock

O diretor-geral da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Jarbas Barbosa, quer que a possibilidade de uso medicinal de maconha seja avaliada pela população. De acordo com o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, Barbosa deve apresentar a proposta de consulta pública na próxima reunião da diretoria colegiada. Apesar da relatoria de Renato Porto, o diretor-geral deseja deixar o assunto resolvido até o fim do seu mandato, em julho. No entanto, ele avalia que, no momento, a consulta pública é o passo a ser dado. (Bahia Notícias)