Grande explosão atinge área portuária de Beirute; governo cita ao menos 73 mortos

Uma explosão de um armazém que guardava nitrato de amônio deixou ao menos 73 mortos e cerca de 2,7 mil feridos na região portuária de Beirute nesta terça-feira (4), segundo a contagem oficial do governo do Líbano.

O presidente do país, Michel Aoun, defendeu que a capital deve declarar estado de emergência para as próximas duas semanas e disse ser “inaceitável” que 2.750 toneladas de nitrato de amônio fossem armazenadas por seis anos em um depósito sem a segurança necessária.

O primeiro-ministro libanês, Hassan Diab, disse em um pronunciamento que o país enfrenta uma catástrofe e declarou luto oficial de um dia. Ele disse também que o governo irá investigar os responsáveis pelo armazém que funcionava no porto da capital desde 2014.

(mais…)

Megaexplosão lança ‘nuvem cogumelo’ no céu de Beirute, no Líbano; veja


Uma forte explosão atingiu a capital do Líbano, Beirute, nesta terça-feira (4/8).Segundo os relatos e vídeos que circulam em redes sociais, ela ocorreu na área portuária da cidade.

Vídeos mostram uma enorme nuvem em formato de cogumelo sendo formada após a explosão, além de uma enorme destruição.

De acordo com a agência de notícias AFP, fontes ligadas à área de segurança afirmam que há dezenas de feridos.

Mais informações em instantes.
https://youtu.be/U-avg-BSo7U

Cão é sacrificado após testar positivo para coronavírus





O fato ocorreu Carolina do Sul e se trata do primeiro animal a ter coronavírus no estado. Ele precisou ser sacrificado depois de ter testado positivo para o coronavírus no início deste mês, anunciaram funcionários da Universidade Clemson.



A história se desenrrolou quando um veterinário particular decidiu testar o cão, uma mistura de pastor de 8 ou 9 anos de idade, depois que um de seus proprietários foi confirmado como tendo o contágio, disse o Dr. Boyd Parr, veterinário do estado e diretor da Clemson Livestock Poultry Health, disse Boyd Parr. em uma declaração de quinta-feira.

Os Laboratórios Nacionais de Serviços Veterinários do USDA confirmaram que o cão tinha o vírus em 9 de julho, segundo o comunicado.

(mais…)

Menino de seis anos salva irmã de ataque cachorro 




Bridger Walker e a irmã, após o incidente — Foto: Reprodução/Instragram/Lisa Walker

Um menino de apenas seis anos está sendo considerado um herói por salvar a vida de sua irmã mais nova ao se colocar entre ela e um cachorro durante um ataque, em Cheyenne, no estado de Wyoming, nos Estados Unidos.

Bridger Walker conseguiu puxar a irmãzinha pela mão e se livrar do animal após sofrer várias mordidas no rosto, e precisou levar 90 pontos nos ferimentos, mas se recupera bem. Segundo sua tia, Nicole, o menino justificou a atitude dizendo que “se alguém tivesse que morrer, achei que deveria ser eu”.




O incidente aconteceu no dia 9 de julho, e Nicole relatou o fato em um perfil no Instagram, onde pediu que o ato de bravura do pequeno Bridger fosse espalhado até chegar a seus ídolos, os atores que interpretam os super-heróis na franquia “Os Vingadores”.

(mais…)

Novo vírus da gripe com ‘potencial pandêmico’ é encontrado na China




Novo vírus da gripe com ‘potencial pandêmico’ é encontrado na China

Uma nova cepa do vírus da gripe com potencial de causar uma pandemia foi identificada na China, segundo um novo estudo.

Essa linhagem surgiu recentemente e tem os porcos como hospedeiros, mas pode infectar seres humanos, dizem os autores da pesquisa.




Os cientistas estão preocupados com o fato de que ela poderia sofrer uma mutação ainda maior e se espalhar facilmente de pessoa para pessoa e desencadear assim um surto global.

Eles dizem que a cepa tem “todas as características” de ser altamente adaptável para infectar seres humanos e precisa ser monitorada de perto.

Como se trata de uma nova linhagem do vírus influenza, que causa a gripe, as pessoas podem ter pouca ou nenhuma imunidade a ela.

(mais…)

Criador do logotipo “I ♥ NY,” Milton Glaser, morre aos 91 anos nos EUA




Milton Glaser — Foto: Divulgação

O designer gráfico americano Milton Glaser, conhecido pelo célebre logotipo “I love NY”, morreu nesta sexta-feira (26), aos 91 anos, anunciou o jornal “New York Times”.

A morte de Glaser, no dia do seu aniversário, foi confirmada por sua mulher, Shirley, segundo a qual ele sofreu um derrame e insuficiência renal, informou o jornal.

Nascido em 26 de junho de 1929, na região do Bronx, em uma família judaica húngara, Glaser era conhecido por seu estilo retrô e alegre, que contribuiu para moldar a identidade visual da cultura popular americana nos anos 1960 e 1970.




Além do logotipo I love NY, com seu coração vermelho sobre fundo branco, cobiçado pelos visitantes da capital financeira do país, Glaser foi o autor, em 1967, do pôster promocional do best-of de Bob Dylan, que representava o perfil do cantor à sombra, com seus cabelos psicodélicos ao vento.

(mais…)

Argentina ‘acha’ nuvem de gafanhotos, e Brasil participa de reunião para definir estratégias




Após dias sem saber a localização exata da nuvem de gafanhotos, o Serviço Nacional de Saúde e Qualidade Agroalimentar da Argentina (Senasa) informou, nesta sexta-feira (26), que “achou” onde a praga se encontra no país.

“Após dias de rastreio das equipes do Serviço Nacional de Saúde e Qualidade Agro-alimentar (Senasa) da Argentina e da província de Corrientes, hoje se pode descobrir a localização da nuvem de gafanhotos, que se encontra a 90 km a oeste da cidade de Curuzú Cuatiá”, diz o boletim mais recente do órgão.




Brasil participa de reunião e monitora

Nesta quinta-feira (25), segundo o Grupo Técnico de Gafanhotos do Comitê de Sanidade Vegetal (Cosave), uma reunião para analisar a situação foi realizada com participação de Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai.

O Ministério da Agricultura brasileiro afirmou que o monitoramento feito pelo governo indica que “até o momento, estão mantidas as previsões sobre a rota da nuvem de gafanhotos, que não entrou em território brasileiro”.

“De acordo com os dados meteorológicos para a Região Sul do Brasil, previstos para os próximos dias, é pouco provável – até o presente momento – que a nuvem avance em território nacional. Caso isso ocorra, será feito um monitoramento interno para o acompanhamento da evolução do evento.”

 

 

Praga pouco conhecida

Segundo um relatório do Ministério da Agricultura da Argentina, a espécie de gafanhoto que avança na América do Sul, chamada Schistocerca cancellata, causou danos severos à produção do país nos anos 1960 e é considerada uma “praga pouco conhecida”.

Novos ataques do inseto voltaram a ser relatados no país vizinho somente em 2015 e se repetiram em 2017 e 2019. Os argentinos afirmam que o inseto não traz nenhum risco aos humanos nem é vetor de doenças.




No Brasil, de acordo o Ministério da Agricultura, esses gafanhotos estão no país desde o século 19 e causaram grandes perdas às lavouras de arroz na região Sul nas décadas de 1930 e 1940. Mas as nuvens não se formam desde então.

Egito, Quênia, México: veja o que aconteceu em países atingidos por pragas de gafanhotos




Foto de novembro de 2004 mostra nuvem de gafanhotos perto das Pirâmides de Gizé, no Egito — Foto: Reuters




(mais…)

Nuvem de areia do Saara chega ao Caribe




Nuvem de areia do Saara é vista sobre a cidade de San Juan, em Porto Rico, nesta terça-feira (23) — Foto: Gabriella N. Baez/Reuters

Uma nuvem de areia do deserto do Saara encobriu parte do Caribe, transformando o céu azul em uma névoa marrom-leitosa e provocando avisos de saúde em toda a região à medida que a qualidade do ar caiu para níveis insalubres.




Os fortes ventos quentes sobre o deserto do Saara tipicamente levantam areia nesta época do ano e carregam por milhares de quilômetros através do Oceano Atlântico para as Américas. Este ano, o pó é o mais denso em meio século, segundo vários meteorologistas. A fumaça espessa reduziu drasticamente a visibilidade.

A nuvem de poeira se deslocou para o leste do Caribe no fim de semana e na terça-feira (23) havia sufocado a Ilha de São Domingos, Jamaica, Porto Rico e o leste de Cuba, continuando seu avanço em direção ao oeste da América Central e sul dos Estados Unidos.

Autoridades de toda a região alertaram os moradores a permanecerem em casa sempre que possível e a usarem máscara facial, especialmente se eles já tivessem uma condição respiratória, pois o pó pode causar irritações e conter agentes patogênicos e minerais. (Fonte: G1)




Nuvem de gafanhotos chega à Argentina e se aproxima do Brasil




Produtores rurais e funcionários do governo da Argentina estão monitorando a entrada de uma nuvem de gafanhotos no país. Os insetos vieram do Paraguai e, por lá, destruíram lavouras de milho (veja mais abaixo). Agora, a praga avança na parte do território argentino que faz fronteira com o Brasil e com o Uruguai.

Segundo projeção do país vizinho, os insetos podem chegar ao oeste do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, oferecendo riscos às lavouras desses estados. (mais…)