Ladrão sofre mal súbito e morre durante assalto em São Paulo; veja o vídeo

Câmeras registraram ação dos bandidosA Polícia Civil de Mogi das Cruzes, Região Metropolitana de São Paulo, divulgou na tarde desta quinta-feira (11) as imagens que mostram o momento exato em que um assaltante morre durante um assalto a um posto de combustíveis.
A ação dos criminosos e o incidente aconteceram em menos de 20 segundos. A mãe do assaltante que morreu disse que ele tinha problemas cardíacos.
De acordo com as imagens, às 21h07 da última terça-feira (9), Luiz Antônio Teixeira, de 25 anos, chega ao posto de combustíveis com mais dois comparsas. O estabelecimento fica no distrito de Brás Cubas. Primeiro ele e os comparsas rendem os frentista. Logo em seguida, Teixeira, que veste uma blusa azul, cai de repente no chão.
Sem entender o que tinha acontecido, um dos comparsas guarda a arma e tenta levantar o colega. São os próprios frentistas que retiram o corpo do ladrão de lá. Segundo a Polícia Civil, para fugir, os outros criminosos deixaram o corpo de Teixeira em uma rua próxima. A suspeita é de que o assaltante tenha tido um infarto fulminante, mas a causa da morte só vai poder ser confirmada depois da autópsia. ( Tribuna  Hoje)
Veja o vídeo.





Investigação
O caso foi registrado no 2º Distrito Policial, em Brás Cubas. De acordo com o delegado titular, Edson Gianuzzi, todos os assaltantes já foram identificados, qualificados e indiciados por roubo e formação de quadrilha. A polícia disse ainda que um quarto suspeito também participou da ação. Ele tem 23 anos e já possui passagem pela polícia por tráfico de drogas. O suspeito foi ouvido na delegacia nesta quinta (11). “Ele nega a participação. Diz que apenas deu carona para os outros três que cometeram o roubo. Mas sabemos que ele ainda ficou no local por cerca de dez minutos e ajudou na fuga”, explica.
Os outros dois, um de 24 anos e outro de 18, estão foragidos. “As investigações estão em andamento, mas nos próximos dias vamos chamar os frentistas para o auto de reconhecimento pessoal. Após a confirmação dos assaltantes irei pedir a prisão preventiva deles”, afirma Gianuzzi.
Morte súbita
Sobre a morte repentina de um dos ladrões, a polícia informou que a mãe de Luiz Antônio Teixeira, de 25 anos, esteve na delegacia e confirmou que o filho tinha problemas cardíacos desde criança, mas ela disse que atualmente ele não estava em tratamento.
O grupo de assaltantes levou R$ 50 em dinheiro do posto que fica na Avenida Henrique Peres, no distrito de Brás Cubas, segundo o boletim de ocorrência.

Ossada achada em MG pode ser de Eliza

Um exame de DNA que ficará pronto na próxima semana poderá confirmar se uma ossada encontrada no dia 30 de janeiro emNova Serrana, no Centro-Oeste do estado, é da modelo e ex-amante do goleiro Bruno, Eliza Samudio, desaparecida desde junho de 2010. O caso está sendo investigado pelo delegado da cidade, Rodrigo Noronha, que trabalha a partir das características  semelhantes às do corpo de Eliza. Segundo o delegado, após terem encontrado a ossada, a primeira hipótese foi de que ela seria de alguma mulher desaparecida na região. Contudo, a polícia mudou de ideia depois da divulgação de um laudo do Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte. “Percebemos que havia características parecidas com as de Eliza”, afirmou Rodrigo.

A ossada estava enterrada em um buraco com aproximadamente seis metros profundidade e, com a chuva na região, acabou ficando parcialmente submersa. Os vizinhos próximos ao local avistaram e ligaram para a polícia. A região fica dentro de uma propriedade particular à beira de uma estrada vicinal, que fica a 800 metros da MG-423. Junto com a ossada havia vestes femininas, uma sandália rasteirinha tamanho 37 e um cinto. Ainda de acordo com o delegado, também tinha um tecido que a polícia não soube precisar se era uma saia ou se era uma blusa. “O que chamou a atenção foi o tamanho do pé, já que ela calçava 37, e a falta das duas mãos e de um braço completo. Mas para nós este aprofundamento no crânio é uma das semelhanças mais fortes, e é do mesmo lado onde Jorge (primo do goleiro Bruno) relatou ter visto Eliza ser agredida dentro do carro. Entretanto, é claro que são apenas hipóteses as quais estamos estudando e investigando para chegarmos a alguma conclusão”, concluiu.

Ônibus cai de viaduto e interdita trecho da Avenida Brasil, no Rio

Ônibus ficou de cabeça para baixo (Foto: Reprodução / GloboCop)
Um ônibus caiu do Viaduto Brigadeiro Trompowski na pista lateral da Avenida Brasil, na altura da Ilha do Governador, no Rio, por volta das 16h30 desta terça-feira (2), deixando feridos. Segundo o Centro de Operações da Prefeitura, equipes do Corpo de Bombeiros trabalham no local e fazem o resgate. Segundo os bombeiros, pelo menos sete pessoas morreram. O ônibus, da Viação Paranapuã, do Consórcio Internorte, fazia a linha 328, Bananal/ Castelo. O veículo ficou com as rodas para cima.Três helicópteros dos bombeiros pararam na pista para fazer o resgate, fechando a Avenida Brasil no sentido Centro. Três quartéis do Corpo de Bombeiros foram mobilizados para ajudar nos resgates. Foram acionados os combatentes dos quartéis de Ramos, Benfica e Fundão.Os feridos estão sendo levados para o Hospital de Bonsucesso.No mesmo horário, o tráfego era lento no sentido Centro da Avenida Brasil até a altura da Penha, no subúrbio. Segundo o Batalhão de vias especiais da PM, um helicóptero do Corpo de Bombeiros pousou na via interditada.

Lula faz novos exames e médico descarta retorno de câncer

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passou na manhã desta terça-feira (2) por exames no Hospital Sírio-Libanês, que não detectaram sinais de tumor. De acordo com o médico Roberto Kalil, todos os exames estão “absolutamente normais” e apontam uma remissão total do tumor na laringe. Havia boatos de que o ex-presidente estaria com câncer no pulmão, mas a avaliação desta terça desmentiu os rumores. Em 2011, Lula teve diagnóstico de um câncer na laringe, passou por tratamento durante cinco meses e, no início do ano passado, novos testes revelaram que não havia mais doença. Com informações da Folha.

Diretora da Rede Globo morre atropelada por ônibus no Leblon

Gisela Matta foi atropelada por um ônibus na esquina das avenidas General San Martin e Bartolomeu Mitre. Ela foi socorrida e internada com politraumatismo na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Miguel Couto. Por volta das 7h do domingo, Gisela não resistiu e morreu, após vários procedimentos médicos. Ela foi codiretora do programa “Amor & sexo”, da TV Globo. Em depoimento na 14ª DP (Leblon), Benedito Rocha Silva, motorista do ônibus da linha Praça Quinze-Cidade de Deus (da Transportes Futuro Ltda), contou que estava na General San Martin, parado no sinal de trânsito. Segundo ele, assim que o sinal abriu, virou à direita para entrar na Bartolomeu Mitre, quando ouviu um barulho vindo da parte de trás, à direita. O motorista contou então que viu Gisela caída ao lado do veículo. Naquele trecho, disse o motorista, não há ciclovia. Ele disse ter socorrido a vítima, chamando o Samu e a Polícia Militar. Duas passageiras do ônibus ainda serão ouvidas pela polícia, assim como comerciantes e funcionários de um posto de gasolina próximo ao local do acidente. Até a noite de hoje, o corpo estava no Instituto Médico-Legal, aguardando parentes virem de São Paulo. (O Globo).

Ex-juiz Nicolau dos Santos Neto vai para a penitenciária de Tremembé

O juiz aposentado Nicolau dos Santos Neto, 84 anos, foi transferido da carceragem da Polícia Federal na capital paulista para a Penitenciária Doutor José Augusto Salgado, em Tremembé, no Vale do Paraíba. A transferência aconteceu depois que o acusado teve o pedido de liberdade indeferido pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), na última quarta-feira. Nicolau cumpria prisão domiciliar desde 2007 em razão de vários processos cíveis e penais, todos sem decisão definitiva, por ter participado do esquema que desviou R$ 170 milhões da construção de um dos prédios do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo. A decisão de revogar o regime especial de encarceramento foi tomada na segunda-feira (25) pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região, com base em pedido do Ministério Público Federal. (Tribuna)

Estilista morre ao cair de quinto andar de prédio em São Paulo

A estilista Clô Orozco, 60 anos, morreu ao cair do quinto andar do prédio onde morava na capital paulista, na manhã desta quinta-feira (28). De acordo com a Folha de São Paulo, o corpo dela foi encontrado em frente ao edifício, localizado no bairro de Higienópolis. Dona das marcas Huis Clos e Maria Garcia, a estilista passava por um momento de crise nos negócios. A morte foi registrada no boletim de ocorrência como suicídio. Segundo o Globo.com, o sobrinho da estilista relatou para a Polícia Civil paulista que Clô já tinha tentado suicídio duas vezes, anteriormente, e estava em tratamento contra “esquizofrenia paranoide”. Ele e a irmã estavam no apartamento da tia, mas afirmaram estar dormindo no horário em que o caso aconteceu. A última pessoa a ter contato com a estilista foi Lorenz Christian Hubertus Klein, por volta das 7h de hoje. Para a polícia, ele contou ter notado que Clô estava frágil, e que por isso ele teria lhe desaconselhado a participar de uma reunião da empresa. Reconhecida pelo talento e pela elegância, a estilista se mantinha na direção-geral da grife Huis Clo, concentrada na gestão dos negócios da empresa. A morte de Clô Orozco será investigada pelo 4º Distrito Policial, em São Paulo. 

Em bilhete, assaltante pede desculpas a professora e devolve pertences

Um fato inusitado chamou a atenção de uma professora que mora em um condomínio no Bairro Cristal, na Zona Sul de Porto Alegre. Depois de sua casa ter sido invadida por um assaltante, ela foi surpreendida por um bilhete manuscrito no qual o suspeito pedia desculpas pelo crime e ainda que Deus a abençoasse. O papel estava em uma embalagem plástica junto com documentos e cartões que haviam sido levados, como mostra a reportagem desta terça-feira (26) do Bom Dia Rio Grande, da RBS TV. Com diversos erros de ortografia, o bilhete foi deixado no pátio da residência. A professora percebeu que seus pertences haviam sido devolvidos quatro dias após o crime, em 19 de março. Ela ainda teve uma televisão levada. No dia 15 de março, os assaltantes entraram na casa enquanto ela estava no banho, e depois fugiram.

“Fiquei mais de uma hora sentada com o bilhete na mão e olhando os riscos no documento. A gente que é professora sabe que são de criança pequena. Então aqueles meus documentos estiveram na mão de uma criança. Parei para pensar: será realmente que tem uma pessoa que está num estado de desespero que faz isso porque precisa, porque não tem um trabalho, porque não tem como dar comida ao filho? E se eu tivesse descido com eles aqui dentro, o que teria acontecido?”, reflete a professora, que preferiu não se identificar. Ela recorda do dia do furto, pouco antes das 6h do dia 15 de março. “Tomei o maior susto, não pude nem trabalhar. Fiquei mal, muito chateada porque a gente trabalha, cuida das coisas, compra muitas vezes à prestação e alguém entra e se acha no direito de pegar”, lamenta. Logo após o assalto, a mulher bloqueou os cartões e registrou ocorrência na delegacia. O bilhete será entregue à polícia, que vai tentar identificar o suspeito do crime. (G1)

Manicure que matou menino de 6 anos é indiciada no Rio de Janeiro

A manicure que confessou ter matado asfixiado o menino João Eiras de Santana, de 6 anos, e ter escondido o corpo em uma mala, em Barra do Piraí, no Rio de Janeiro, foi indiciada pelo crime. Suzana de Oliveira vai ainda por ocultação de cadáver. O crime ocorreu na tarde desta segunda-feira (26). A família de João Felipe Eiras Santana Bichara é dona de uma imobiliária na cidade. Segundo o jornal O Globo, Suzana era manicure da mãe da vítima, Aline Bichara. A polícia investiga se o crime foi cometido para se vingar de um parente da criança, por um amor não correspondido, ou se para conseguir dinheiro. Suzane teria dito na delegacia que pediria dinheiro à família pelo resgate da criança — o que não aconteceu. ‘Não fiz isso sozinha’, contou à polícia.
 Para retirar o menino da escola, a manicure ligou se passando por uma madrinha, segundo contou uma freira do Instituto de Educação Franciscana Nossa Senhora Medianeira, escola religiosa de classe média alta da região. Segundo a polícia, a manicure matou a criança no quarto de um hotel no centro da cidade. Para deixar o local em um táxi, ela cobriu o corpo do menino com um lençol e seguiu para sua casa. Desconfiado, o porteiro do hotel ligou para polícia. Ele disse que a criança parecia desacordada, ainda segundo o jornal O Globo. A mulher foi localizada em casa por oficiais do 10º Batalhão da Polícia Militar e por policiais federais. O corpo do menino foi encontrado dentro de uma mala na casa da mulher. 

Ator Marcello Antony e mulher sofrem acidente de carro


O ator Marcello Antony e a mulher, Carolina Hollinger, sofreram um acidente de carro neste sábado (23), em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. O veículo atravessou o acostamento e acabou em um matagal, na margem de um rio. O casal, no entanto, não sofreu ferimentos graves.
Nas fotos, Antony e Carolina aparecem já do lado de fora do automóvel, aguardando a remoção do carro do local. (Terra)