TRF-4 manda soltar o ex-presidente Lula

Ex-presidente Lula Em decisão divulgada neste domingo (8), o desembargador federal Rogério Favreto do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), com sede em Porto Alegre, decidiu conceder liberdade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso desde 7 de abril deste ano em Curitiba. Lula foi condenado na Operação Lava Jato por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

O despacho determina a suspensão da execução provisória da pena e a liberdade de Lula.

“Cumpra-se em regime de URGÊNCIA nesta data mediante apresentação do Alvará de Soltura ou desta ordem a qualquer autoridade policial presente na sede da carceragem da Superintendência da Policia Federal em Curitiba, onde se encontra recluso o paciente”, diz trecho da decisão.

O G1 tenta contato com a assessoria do ex-presidente.

Vereadores de Utinga declaram apoio a pré-candidata Edylene Ferreira

Sandro Costa, Luiz da Lagoa Bonita, Edylene, Thalmo Vinicius, Dr. Lucas, Paulo Neto
Sandro Costa, Luiz da Lagoa Bonita, Edylene, Thalmo Vinicius, Dr. Lucas, Paulo Neto

Os vereadores da cidade Utinga, Sandro Costa, Dr. Lucas Leal, Thalmo Vinicius, Luís da Lagoa Bonita e Paulo Neto se reuniram nesta sexta-feira, 29, com a pré-candidata a deputada estadual, Edylene Ferreira, para declarar todo apoio a sua pré-campanha.
Presidente licenciada da União dos Vereadores da Bahia – UVB-BA, Edylene Ferreira é uma defensora do municipalismo e tem recebido boa aceitação de sua pré-candidatura por onde passa. “A gente vê que o discurso de Edylene é coerente com sua prática. Mulher forte, ficha limpa, vereadora atuante, que mesmo tentando alcançar outras esferas políticas, continua lutando por nossa classe, defendendo o municipalismo, acreditando que os vereadores podem fazer a diferença”, declarou Dr.Lucas.
Animados com a presença da pré-candidata na cidade, os vereadores levaram Edylene a festa de São Pedro que ocorria na cidade, apresentando-a a população presente. “Edylene nos representa, é igual a nós, é uma política jovem que vai trazer a renovação que precisamos no legislativo, que pode fazer a diferença”, opinou o vereador Sandro.
Emocionada com a receptividade dos novos apoiadores, Edylene agradeceu aos vereadores e população de Utinga. “Eu fiquei muito feliz em estar aqui esta noite, conversando com meus amigos e apoiadores, conhecendo um pouco mais sobre esta cidade, conhecendo as pessoas que vivem aqui. Quero agradecer todo carinho e respeito que me receberam, por cada sorriso e aperto de mão que recebi. Vamos juntos nessa corrente do bem, lutando por dias melhores para todos nós. Um grande abraço, Utinga!”, declarou a pré-candidata.

Lula tem 33%, Bolsonaro, 15%, Marina, 7%, e Ciro, 4%, aponta pesquisa Ibope

lula ibope

Pesquisa do Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope) aponta índices de intenção de voto para o primeiro turno da eleição presidencial de 2018. O estudo foi divulgado nesta quinta-feira (28). A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Cenário com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva:

Luiz Inácio Lula da Silva (PT): 33%

Jair Bolsonaro (PSL): 15%

Marina Silva (Rede): 7%

Ciro Gomes (PDT): 4%

Geraldo Alckmin (PSDB): 4%

Álvaro Dias (Podemos): 2%

(Fonte: Ibope)

Lula indica nomes de Minas para vice e quer Wagner como candidato à Presidência

jaques-wagner

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está convencido de que Jaques Wagner (PT) tem que ser o plano B do PT, para caso a sua candidatura seja, como é esperado, impedida pela Justiça com base na Lei da Ficha Limpa.

Segundo o site O Antagonista, Lula indicou dois nomes de Minas Gerais – Márcio Lacerda e Josué Alencar – para vice justamente porque crê em Wagner como principal puxador dos votos do Nordeste.

O vice, no entanto, atuaria para atrair os votos do Sudeste. Vale lembrar que Wagner já repetiu diversas vezes que não é plano B de Lula e seu foco é o Senado. (Varela Notícias)

Utinga: Projeto de Lei que previa redução de carga horária com redução de vencimentos dos servidores públicos é rejeitado

camara utgNesta terça-feira, 08 de maio, foi votado na câmara de vereadores de Utinga, o projeto que previa a possibilidade de redução de carga horária com redução proporcional dos vencimentos dos servidores públicos do município.

O projeto previa que o servidor poderia requerer a redução de sua carga horária com redução proporcional dos seus vencimentos.

De acordo com o vereador Dr. Lucas Leal, apesar desta opção ser facultativa ao servidor público, o projeto tornou-se polêmico devido a várias denúncias de perseguição da administração contra os servidores públicos municipais, criando grande preocupação quanto a verdadeira intenção do projeto.

Segundo a justificativa anexa ao projeto de lei, a finalidade principal da lei seria a de diminuir os índices de pessoal da prefeitura. A partir disto, caso a lei fosse aprovada, poderia ser mais uma ferramenta utilizada pela gestão para forçar servidores a reduzirem suas cargas horárias e, consequentemente, reduzirem seus vencimentos.

O projeto de lei foi rejeitado na câmara por 8 votos a 1. Votaram contra o projeto os vereadores Dr. Lucas, Thalmo, Sandro Costa, Luiz da Lagoa Bonita, Jonas, Manoel, Antonio Arsenio e Paulo Neto.

Votou a favor do projeto o vereador Erenilto Sena (Nego do Pau Peba).

O presidente só vota em caso de desempate e o vereador Toinho Muniz se ausentou por motivo de saúde. (Blog do Léo Barbosa)

ACM Neto confirma que não será candidato ao governo da Bahia em 2018

neto1

O prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) confirmou, na manhã desta sexta-feira (6), que não deixará o Palácio Thomé de Souza para concorrer ao governo da Bahia em 2018. A tendência já havia sido apontada no começo da manhã, após negociações intensas ao longo da semana que colocaram o prefeito como virtual candidato contra a tentativa de reeleição do governador Rui Costa (PT). Com a decisão de ACM Neto, o grupo de oposição ainda segue em negociação para finalizar os ajustes da chapa majoritária. “Meu coração me impede de deixar a prefeitura de Salvador”, anunciou o prefeito. (Bahia Notícias)

Moro determina prisão de Lula; ex-presidente tem que se entregar até esta sexta

lula 2018

O juiz Sergio Moro determinou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. De acordo com a decisão, o petista tem até esta sexta-feira (6) para se entregar à Polícia Federal. A pena definida pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) é de 12 anos e 1 mês de prisão, com início em regime fechado. “Relativamente ao condenado e ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, concedo-lhe, em atenção à dignidade cargo que ocupou, a oportunidade de apresentar-se voluntariamente à Polícia Federal em Curitiba até as 17:00 do dia 06/04/2018, quando deverá ser cumprido o mandado de prisão”, afirmou o juiz na decisão. Nesta quarta (4), o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por 6 votos a 5, não conceder habeas corpus ao ex-presidente. “Esclareça-se que, em razão da dignidade do cargo ocupado, foi previamente preparada uma sala reservada, espécie de Sala de Estado Maior, na própria Superintência da Polícia Federal, para o início do cumprimento da pena, e na qual o ex-Presidente ficará separado dos demais presos, sem qualquer risco para a integridade moral ou física”, requereu o Moro.

‘Se a Justiça não soube, a História saberá ser justa’, diz Wagner após derrota de Lula no STF

lula e wagnerO ex-governador da Bahia e atual secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner, disse que a história fará justiça ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, após mais um revés judicial na quarta-feira (4), ao não ter um habeas corpus preventivo concedido pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Em publicações no Twitter, Wagner disse que, “quem sempre esteve do lado da democracia e da igualdade jamais sai derrotado”. Se a Justiça não soube, a História saberá ser justa com você. Estamos juntos, @LulapeloBrasil. Força e cabeça erguida porque a luta continua!”, escreveu. Ainda de acordo com ele, as ideias do petista, que pode ser preso em breve, “jamais podem ser aprisionadas”. “A partir de agora, @LulapeloBrasil caminhará com as nossas pernas, falará com as nossas bocas e seu coração baterá junto com o nosso. Porque enquanto houver injustiça, haverá luta. Enquanto houver injustiça, haverá Lula!”, afirmou Wagner em uma das publicações na rede social.

Vereador de Ponto Novo é cassado por falta de comparecimento às sessões

PONTO NOVOPela primeira vez na história de Ponto Novo um vereador tem seu mandato cassado por ter faltado a mais de 1/3 das sessões da Câmara Municipal no ano de 2017, o que configura perda do mandato, segundo a Lei Orgânica do município.
A denúncia foi feita pelo presidente do diretório PSOL, Jamilton Fernandes de Almeida ao presidente da Câmara de Vereadores, Júnior do Roque (PCdoB), que constatou a fundamentação da denúncia contra o vereador Michael (PP).
Em sessão realizada no dia (05/3) na casa legislativa, a denúncia foi lida e aberto prazo de dez dias para que o edil apresentasse sua defesa, este prazo se findou no dia (15/3). O vereador Michel Jonathan apresentou sua defesa dentro do prazo, porém não foi aceita pela mesa diretora, que em cumprimento a Lei Orgânica do município, decretou a perda do mandato do vereador, a partir desta segunda feira, 19 de Março.
Seguindo o regimento o suplente, Arnobio Carneiro (PT), será convocado para assumir a vaga na Câmara Municipal de Ponto Novo.
Confira a a decisão na íntegra no Diário Oficial da Câmara Municipal de Ponto Novo: CLIQUE AQUI(Interativapn.com)

Temer decide disputar reeleição e avisa aliados, diz jornal

temer
Foto: Alan Santos/PR

O presidente Michel Temer está disposto a disputar a reeleição e já avisou seus principais interlocutores sobre seus planos, informou neste domingo o jornal O Estado de S. Paulo. Temer se diz capaz de “defender seu legado e sua própria honra” e acredita que a recuperação da economia e outras medidas podem fazer crescer seu índice de aprovação – que, segundo último levantamento do Ibope, é de apenas 6% – até o fim de seu mandato. Temer não tem pressa para anunciar sua presença na corrida eleitoral, pois, diferentemente do que ocorre com ministros, presidentes não precisam deixar o cargo até abril para concorrer. Quando assumiu o governo, após impeachment de Dilma Rousseff em agosto de 2016, Temer se comprometeu com partidos aliados a não tentar uma eventual reeleição em troca da sustentação política. Mas, segundo o Estado, Temer avalia que o quadro mudou radicalmente, sobretudo por causa de um afastamento entre o presidente e o PSDB. A má relação com o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara, também influenciou na mudança de planos, de acordo com o jornal. Com Maia garantido como pré-candidato, Temer se sentiu liberado a não manter sua promessa e ser o candidato do PMDB nas eleições. A baixa popularidade, no entanto, segue sendo o grande desafio de Temer. Se ficar convencido da inviabilidade de sua candidatura, Temer deve apoiar a candidatura do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que deve deixar o ministério da Fazenda em abril.