Bomba: após 30 anos de sucesso, Bell confirma saída do Chiclete

Confirmado. O cantor Bell Marques vai seguir em carreira solo. O próprio artista confirmou a informação, com exclusividade, ao apresentador Zé Eduardo. Recebendo Zé na loja Ana Import, bastante emocionado, Bell explicou o fim da parceria que fez história no Carnaval da Bahia e construiu um sucesso de 30 anos. “É decorrente de um desgaste natural na banda. Tenho amizade com todos, com meu irmão, mas não estava tendo o prazer mais de tocar. Quero revigorar”, afirmou. 
 O artista vai galgar novos projetos e desafios, já com novidades à vista. A experiência acumulada e a trajetória do cantor na maior festa popular do planeta já o fez abrir uma produtora que irá gerir sua carreira e a dos filhos, Pipo e Rafa Marques, que detêm a Oito7Nove4. Bell já prepara um vídeo que será postado na rede social do Chiclete e direcionado aos fãs. Desde a manhã desta terça-feira (10), o site Bocão News  – que antecipou a notícia – trouxe à tona a especulação sobre a saída do cantor, além dos possíveis nomes cogitados para o cargo.  Entre os artistas da fila estão o cantor Topeira, da Banda 5% e o cantor Rafa Chaves, da banda Via Circular. Toperia já tem a experiência de puxar o bloco Nana Banana às quintas. Rafa assumiu, recentemente, o lugar de Levi Lima e já é destaque entre os novos artistas do cenário musical baiano. Rei e Wadinho serão os timoneiros do Chiclete.  
Mas, a folia do ano que vem ainda com Bell no comando do ‘tiranossauro rex’ está garantida. Os foliões só não poderão contar mais com o Voa Voa, que deixa de desfilar na Avenida. Bell Marques irá se despedir na terça de Carnaval, no bloco Camaleão, direto do circuito Barra-Ondina. (Bocão News)

Champignon, da banda Charlie Brown Jr. é encontrado morto em São Paulo

O músico Luiz Carlos Leão Duarte Junior, 35 anos, o Champignon da banda Charlie Brown Jr., foi encontrado morto no início da madrugada desta segunda-feira (9), em seu apartamento no Jardim Caboré, na zona oeste de São Paulo. Vizinho do artista, o corretor de imóveis Alexandre Benaion conta que ouviu um barulho de tiro vindo do apartamento de Champignon por volta de 0h. Em seguida, o corretor relata que ouviu gritos da mulher do músico e latidos do cachorro do casal. De acordo com Benaion, a mulher abriu a porta do apartamento e gritou: “Amor, você não fez isso”. “Foi horrível, vi o Champignon caído no chão com um tiro na boca e uma arma na mão. Havia muito sangue espalhado pela cabeça”, afirmou o corretor à Folha de S. Paulo. Grávida, a mulher do artista foi levada por amigos a um hospital em estado de choque. O tenente da Polícia Militar Rafael Elias Franco Pinto afirmou que o músico tinha uma pistola 380 em uma das mãos e um tiro na boca. A morte de Champignon acontece pouco mais de seis meses após a do vocalista do Charlie Brown Jr., Alexandre Magno Abrão, 42 anos, conhecido como Chorão, encontrado morto em seu apartamento em Pinheiros, na zona oeste da capital. Champignon era atualmente o vocalista da banda A Banca, criada pelos membros remanescentes do Charlie Brown Jr. após a morte de Chorão. (Folha)

Que mudança! O Pablo do Arrocha que ninguém nunca viu. Veja foto

Como diz o velho ditado: não existe gente feia, existe gente mal cuidada. Circula nas redes sociais uma foto do cantor Pablo do Arrocha antes da fama, quando ainda fazia parte do grupo Asas Livres. Na imagem, o artista aparece com cabelo mais curto do que usa atualmente e usando um celular preso ao cinto. Quem visse o baixinho de pouco mais de 1,60 m andando de chinelos pela cidade de Candeias, talvez não imaginasse o frisson que ele um dia causaria nas fãs. Com mais de 10 anos de carreira, voz  romântica e olhar penetrante, ele costuma enlouquecer as mulheres por onde canta.  Nada que uma boa produção não resolva, né? (Bocão News)

Estuprador é caçado, castrado e morto

Um homem conhecido como “Jesus Negro” em Papua-Nova Guiné, que matou uma jovem em um ritual de sacrifício humano, foi castrado e morto a machadadas por uma multidão enfurecida, informou a imprensa local.
Steven Tari, condenado por estupros e suspeito de canibalismo, foi morto em uma remota localidade de Papua-Nova Guiné na semana passada.
O jornal local The National afirma que Tari — que escapou de uma prisão de Madang ao lado de outros 48 detentos em março — foi caçado por quase 80 homens.
De acordo com o jornal, ele foi castrado e morto a golpes de machado. Depois, o corpo foi jogado em um buraco.
Tari, que se fazia passar por um pastor luterano, era amplamente conhecido como “Jesus negro”. Ele foi condenado em 2010 a dez anos de prisão por estupros de mulheres que pertenciam a sua seita.
A polícia local informou que Tari e seus seguidores executaram na semana passada Rose Wagum, de 15 anos, como “sacrifício”. A jovem foi esfaqueada diversas vezes.
O canibalismo e a magia negra são práticas noticiadas eventualmente na Papua-Nova Guiné, um vasto país da Oceania, ao norte da Austrália, que ocupa a parte oriental da ilha de Nova Guiné.
No ano passado, a polícia prendeu dezenas de pessoas acusadas de canibalismo: elas mataram pelo menos sete pessoas e comeram os órgãos das vítimas.

Pastor Evangélico estupra e toca fogo em menina de 10 anos

Essa Garotinha de 10 anos que se chamava Márcia Andréia do Prado Constantino foi pega dentro de uma das Igrejas Assembléia de Deus, de Maringá, Estado do Paraná, por um membro que já havia sido pastor, que foi afastado por suspeita de abuso. Nada confirmado. O mesmo conhecia a família e até tinha um convívio com os pais.
O acontecido não foi planejado. Deu vontade, ele falou com a garota que lhe daria um pedaço de bolo, ela entrou no seu carro e foi levada por ele até a sua casa onde lá ele abusou e a matou com uma sacola na cabeça asfixiada. Não satisfeito levou para um matagal com ela já morta, abusou mais um pouco sobre o capu do carro e depois jogou álcool sobre seu corpo e colocou fogo.
O ex-pastor evangélico ainda foi ao velório da menina para consolar os pais. Só foi identificado pelos exames colhidos nos órgãos genitais da criança.


Natanael Búfalo é o nome do ex-pastor evangélico. Ele tem 3 filhos: um menino e duas meninas com idade inferior a 12 anos. Perguntado a ele se alguém fizesse com uma das suas filhas o que ele fez com essa menina das fotos, ele disse: “Eu mataria”

Pablo esclarece polêmica com Gusttavo Lima: ‘Em nenhum momento tive a ideia de processar’

O
cantor Pablo divulgou nota de esclarecimento sobre a polêmica envolvendo
Gusttavo Lima. Rumores diziam que o baiano havia entrado com um processo contra
o sertanejo por uso indevido da música “Fui Fiel”. Gusttavo estaria cantando a
música em seus shows sem a autorização de Pablo e sua equipe. Negando a
informação do processo, o artista soteropolitano afirmou que houve o
“desconforto”, sim, mas que nunca nem pensou em entrar com uma ação judicial.

Confira o comunica na
íntegra:
 
Diante
das noticias que circularam nos principais veículos de comunicação desta
segunda-feira (26/08), preferi eu mesmo esclarecer os fatos e dizer que em
nenhum momento tive a ideia de processar Gusttavo Lima. O que se deu foi um
desconforto da minha parte, e da minha equipe, já que Gusttavo deu inicio a uma
divulgação prévia em suas redes sociais, além de incluir “ Fui Fiel”, no
repertório dos seus shows e a gravação do hit em seu novo álbum, sem a minha
autorização e a dos meus parceiros compositores, nesta canção. É a minha música
de trabalho, desde o ano passado. Graças á Deus, atualmente, “Fui Fiel” é a
mais bem executada no norte- nordeste. Primeiro lugar nas rádios destas
regiões. Vou continuar cantando “Fui Fiel”, e levando esta serenata apaixonada
para todo o meu público. Autorizei 25 % do hit para Gusttavo Lima, assim como
para outros artistas que queiram regravar esta melodia. A minha intenção é
levar o arrocha romântico para todo o resto do Brasil e do mundo. A música é
uma arte pra expressar amor, alegria, não cabe inveja e nem discórdia.
Peço somente
aos jornalistas que prezam pela verdade dos fatos , que esclareçam esta notícia
infundada sobre processo. Eu jamais faria isso. Fonte: Bahia Noticias.

Jovem engole celular para namorado não ler mensagens

Uma jovem de 19 anos foi submetida a uma cirurgia de emergência após engolir um telefone  celular. Adriana Andrade, moradora da zona leste de São Paulo, não queria que o namorado lesse as mensagens de texto que poderiam comprometer o relacionamento dos dois. Segundo o namorado da menina, Renato Rodrigues Reto, Adriana saiu correndo quando ele pediu pra ver o que havia no aparelho. No momento em que percebeu que o rapaz iria alcança-la, a menina resolveu engolir o aparelho. “Não acreditei no que vi, ela colocou o celular na boca e engoliu”, disse renato. De acordo com os médicos, Adriana não corre risco de vida. No entanto, ela ficará alguns dias internada. Até agora, ninguém sabe o real conteúdo das mensagens. (Tribuna do Ceará)

Festival de Inverno de Lençóis: Luiz Melodia, Vanessa da Mata e Cidade Negra são atrações confirmadas

Luiz Melodia, Vanessa da Mata e Cidade Negra confirmados no Festival de Inverno de LençóisA Chapada Diamantina será palco de mais uma edição do Festival de Inverno de Lençóis. Em sua 15ª edição, o evento irá levar grandes nomes da música nacional e local para shows gratuitos entre os dias 10 e 12 de outubro. Luiz Melodia, Vanessa da Mata, Cidade Negra, BaianaSystem, Margareth Menezes – cantando Gil e Caetano – e Adelmo Casé – em tributo a Tim Maia.


Homem-Aranha se machuca em show da Broadway

Um dos atores do musical “Spider-Man: Turn Off the Dark”, em cartaz na Broadway (Nova York) se machucou durante uma apresentação do espetáculo na quinta-feira (15). O ator, Daniel Curry, é um dos que interpretam o super-herói no palco. Ele sofreu uma fratura grave na perna ao ficar preso em equipamento na coxia do teatro, informou a agência Associated Press. O musical custou US$ 75 milhões e teve uma estreia difícil, incluindo a demissão do diretor e críticas negativas. Mas, no esteira do sucesso dos filmes com o herói dos quadrinhos, o espetáculo teatral tem sido campeão de bilheteria. Curry não foi o primeiro do elenco do musical a se machucar. O ator Christopher Tierney teve fraturas no crânio, nos ombros e nas costelas em 2010. A atriz Natalie Mendoza teve um ferimento na pré-estreia do espetáculo. E a produção já foi processada por um dublê que se feriu em cena. (Folha)