MEC negocia flexibilização dos 200 dias letivos da rede pública de ensino

Abraham Weintraub

Devido às mudanças na rotina da sociedade por conta do avanço do novo coronavírus, o Ministério da Educação (MEC) analisa com conselhos de secretários de Educação estaduais e municipais a flexibilização do mínimo necessário de 200 dias letivos por ano estabelecidos pela Lei de Diretrizes e Bases (LDB).

O ministério também definiu com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) a publicação de duas portarias nos próximos dias para recomendar a suspensão, por 60 dias, de defesas de teses e dissertação presenciais em cursos de pós-graduação. Será sugerido que, se possível, as bancas sejam realizadas por videoconferência.

Os assuntos foram discutidos pelo ministro Abraham Weintraub na tarde desta quinta-feira (19) em reunião do Comitê Operativo de Emergência, que é coordenado pelo MEC. Ainda não há definição, mas o COE também estuda com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDEE) a distribuição de merendas escolares para alunos em situação de vulnerabilidade que estão sem aula por conta da crise desencadeada pelo novo Coronavírus.

Na reunião, representantes das universidades e institutos federais também ficaram de analisar a possibilidade de realizar novas pesquisas para auxiliar no combate à doença. Além disso, as instituições de ensino irão reunir informações sobre a capacidade de laboratórios para produção de álcool em gel. (CNN Brasil)

Bahia: Vídeo mostra aluno se recusando a receber avaliação de professora negra

ufrb

O campus da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) em Cachoeira vai abrir um processo administrativo para apurar suposto crime de racismo cometido por um estudante do curso de História. Na noite desta segunda-feira (9), o caso chamou a atenção da comunidade acadêmica. Um estudante do curso de História se recusa a receber uma folha de avaliação de uma professora. A situação foi registrada em vídeos.

Procurado pelo Bahia Notícias na manhã desta terça-feira (10), o diretor do Centro de Artes, Humanidades e Letras, Jorge Cardoso, confirmou a veracidade do vídeo e disse só após o fim do processo, a instituição vai tomar as medidas cabíveis. “Infelizmente esse vídeo é verídico. A gente teve acesso a ele pela primeira vez hoje pela manhã e a instituição vai se debruçar sobre o fato ocorrido para se couber alguma medida de punição punir o responsável”, disse.

O caso ocorreu durante avaliação da professora Isabel Reis. O acusado foi identificado como Danilo de Góis.

FLICEB: Colégio Estadual do Bonito realiza II Feira Literária

fliceb edt

Aconteceu nesta sexta-feira 08 de novembro, a II Feira Literária do Colégio Estadual do Bonito – FLICEB com o tema “A Invisibilidade da Mulher na Literatura.”

O evento foi realizado com a orientação dos professores da área de Linguagens (Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Produção Textual e Educação Física) e contou com o envolvimento de todo corpo docente, equipe gestora, administrativa e alunos.

Esta edição da feira, contou com a presença da professora e escritora Vanderlândia Lima, da cidade de Morro do Chapéu, que participou de uma roda de conversa com os estudantes mediada pela aluna do 1º B matutino, Izabela , quando na oportunidade, foram abordados assuntos relacionados à produção literária, os desafios da mulher como escritora, a mulher negra etc.

fliceb24
Professora e escritora Vanderlândia Lima durante roda de conversa com alunos do Colégio Estadual do Bonito

Os visitantes puderam apreciar os belíssimos trabalhos desenvolvidos pelos alunos, onde cada sala de aula ficou com um gênero literário: 1º AM e 2º AV– História em Quadrinhos – HQ (Professor Édilei Reis), 1ºBM e 1ºAV – Contos de Fada (Professora Tássia Borges e Professor Odilésio Barbosa) , 1ºCM – Fábulas (Professor Marcelo Sousa) 2º AM e 2ºBM – Contos de Terror (Professora Anatália Miranda)  3ºAM e 3ºAV – Teatro (Professor Odilésio Barbosa) 3ºBM – Lendas (Professora Tássia Borges) 1ºAN – Fábulas (Professora Cristina e Professor Uvagston) ,  2ºAN – Contos de Fada (Professora Cristina), 3ºAN – História em Quadrinhos ( Professora Tássia Borges), 1º e2ª EJA AeB – Cordel ( Professor Uvagston) , 3º EJA – Parábola ( Professor Uvagston). (mais…)

Filhos do Prefeito de Serrolândia são alunos da rede pública de ensino do Município

prefeito serrolandia
A atitude demonstra que a atual Gestão confia no investimento que realiza em educação.

O prefeito de Serrolândia, Gonçalves, e a primeira-dama, Fabrícia, em comportamento oposto a boa parte dos políticos, valorizam a escola pública e mantém seus filhos matriculados na rede municipal de ensino.

A atitude demonstra que a atual Gestão confia no investimento que realiza em educação, desde a excelente estrutura das instituições, devidamente reformadas e aparelhadas, aos materiais didáticos e paradidáticos que garantem aos docentes possibilidades para realizar um trabalho eficiente, refletindo em um ensino e uma aprendizagem de qualidade. (mais…)

Colégio Estadual do Bonito promove Feira de Ciências

fccb4

Aconteceu nesta quarta-feira 23 de outubro, a Feira de Ciências do Colégio Estadual do Bonito, com objetivo de estimular a relação ensino e aprendizagem e fomentar o protagonismo dos estudantes na construção do seu conhecimento. Os projetos foram elaborados pelos  alunos do Ensino Médio regular e EJA – Educação de Jovens e Adultos, com a orientação dos professores das áreas das Ciências Matemática e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e com apoio da equipe gestora e todo corpo docente.

fccb2

Durante todo o dia, o colégio recebeu visitas de diversas escolas do município quando tiveram a oportunidade de demonstrar seus conhecimentos através dos experimentos científicos representados em maquetes, protótipos, manipulação de elementos químicos, além de jogos com desafios matemáticos etc. (mais…)

Governo baiano bloqueia 30% do orçamento da Uefs; Secretaria de Educação nega

uefs

O governo baiano bloqueou 29,5% do orçamento da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) de janeiro até outubro deste ano, segundo a Associação dos Docentes da Universidade Estadual de Feira de Santana (Adufs). Em nota enviada ao Bahia Notícias, a Secretaria de Educação negou.

“A Secretaria da Educação do Estado esclarece que não há contingenciamento de recursos para as universidades estaduais. Os repasses estão garantidos e sendo feitos conforme a arrecadação do Estado”, informou. De acordo com a Adufs, a instituição recebeu R$ 45,7 milhões dos R$ 64,8 milhões que deveriam ser destinados à verba de manutenção e investimento.

A associação ainda reclama de o governo “seguidamente” aprovar orçamento inferior às demandas da instituição. “Para se ter uma ideia dos prejuízos financeiros causados às instituições, o valor destinado à manutenção e investimento, em 2018, é inferior ao de 2013, se corrigido pela inflação”, informou.
(mais…)

Com estudos em fase final, SEC se prepara para lançar edital de Certificação e eleição escolar

eleições dirigentes
A Secretaria de Educação do Estado (SEC) está concluindo os estudos para publicação, “nos próximos dias”, do edital de certificação dos candidatos para a realização da Eleição de Dirigentes Escolares para a próxima gestão. Segundo o presidente do APLB-Sindicato, Rui Oliveira, representantes da categoria se reuniram com o secretário de Educação, Jerônimo Rodrigues, em três oportunidades e ficou acertado que a eleição acontecerá até dezembro.

Gestores vinham levantando questões sobre o pleito, uma vez que até o momento não tinham sido divulgadas informações oficiais com previsão de realização do Exame de Certificação, exigido para que os candidatos possam formar chapas e concorrer à gestão escolar, e nem de datas para a realização do pleito. Os educadores suspeitavam do adiamento da eleição para 2020, fato que foi negado pela SEC.

Assim como os do Legislativo e Executivo, os mandatos de gestão escolar duram quatro anos. A última eleição aconteceu no final de 2015 e os gestores assumiram os cargos em janeiro de 2016. (Bahia Notícias)

Colégio Estadual do Bonito realiza Projetos Estruturantes e #TransformaÊ: Virada Educacional Bahia 2019

ceb

Aconteceu nesta quinta-feira (19), a etapa escolar dos Projetos Estruturantes – FACE, TAL, AVE e DANCE,  no Colégio Estadual do Bonito. Neste dia, os alunos tiveram a oportunidade de apresentar suas produções nos diversos segmentos artísticos.

Os Projetos Estruturantes constituem uma categoria composta por um conjunto de projetos que, além de implementarem políticas educacionais, buscam a reestruturação dos processos de gestão pedagógicos, a diversificação e inovação das práticas curriculares e, como consequência e foco principal, a melhoria das aprendizagens.

camile e welson breno
FACE: Camile Oliveira (1º lugar) e Welson Breno (2º lugar)

Já nesta sexta-feira (20), foi a vez do #TransformaÊ – Virada Educacional 2019, em sua 4ª edição que trouxe o tema Escolas que Acolhem. No Colégio Estadual do Bonito foram desenvolvidas diversas atividades durante todo o dia, com oficinas de música  dança, teatro, culinária, maquiagem, apresentações culturais rodas de conversas e serviços como: cortes de cabelo, aferição de pressão arterial, testes rápidos, tipagem sanguínea, além de palestras com a Psicóloga Edimária, com o tema “Depressão”  e com o  Educador Físico Marcos Neiva. (mais…)

Aluno de Bonito é premiado na OBMEP

obmep bonito

Nesta Segunda (26), no Auditório da UEFS, o aluno Lucas Lima de Assis, da Escola Municipal 13 de Junho, recebeu Homenagem pelo excelente desempenho na 14ª Olimpíada Brasileira de Matemática nas Escolas Públicas – OBMEP (2018). Ao seu lado, esteve o Professor Rafael Anjos – que representou o homenageado Professor Washington Araújo, também professor da Escola Municipal Treze de Junho.
A conquista do brilhante Lucas, nos enche de orgulho e confirma que Bonito está no caminho certo, tendo a Educação como norte.

Professores e estudantes protestam no Campo Grande contra cortes na Educação

Foto: Ailma Teixeira / Bahia Notícias
Foto: Ailma Teixeira / Bahia Notícias

Professores e estudantes protestam, na manhã desta quarta-feira (15), no Campo Grande, em Salvador, contra cortes nas verbas da Educação. Os manifestantes gritam palavras de ordem contra os governos do presidente Jair Bolsonaro (PSL), que anunciou corte de 30% no orçamento das universidades e institutos, e de Rui Costa (PT), que enfrenta uma greve dos docentes universitários na Bahia.

Ao Bahia Notícias, os organizadores estimaram que 10 mil estejam no protesto. “Este corte é uma brutalidade muito grande contra a universidade. A interrupção significa interromper o próprio futuro do país”, reclamou o professor de sociologia da Universidade Federal da Bahia (Ufba),  Antônio Câmara.

Estudante de 14 anos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA), Maria Eduarda, também criticou os cortes. “O nosso futuro está em jogo. E, se a gente não lutar, quem vai lutar por nós?”, questionou, ao lado da colega Annelie Christinne, de 15 anos.

Um militante, que não teve o nome divulgado, ressaltou que “não é apenas a situação federal, mas a situação estadual também” é grave, ao se referir a greve das quatro universidades estaduais baianas. “É preciso mandar um recado para Rui Costa”, bradou.